UA-84155756-1

MULTIPLICA DIGITAL – QUER POTENCIALIZAR AS VENDAS DO CHECKOUT DA FARMÁCIA? VEJA DICAS DA MONDELĒZ

By: | Tags: | Comments: 0 | maio 25th, 2022

Quer potencializar as vendas do checkout da farmácia? Veja dicas da Mondelēz

quer-potencializar-as-vendas-do-checkout-da-farmacia-veja-dicas-da-mondelez

Neste espaço da loja deve se explorar principalmente as categorias de impulso e de compra não planejada, como gomas, balas, chocolates e biscoitos

O checkout é uma das áreas mais importantes para a farmácia. Isso porque é o único espaço onde é possível impactar 100% dos shoppers, uma vez que eles precisam passar por lá para realizar o pagamento das suas compras. Por isso também chamamos o checkout de Hot Zone. Além disso, é um espaço muito impulsivo e de compra não planejada, o que aumenta o tíquete médio e gera venda adicional para a loja.

O shopper vê as categorias de impulso como escapes do cotidiano, ou seja, produtos que ele consome para relaxar e aliviar o estresse. Com isso, o checkout é visto por ele como um ‘mundo de delícias’ que oferece prazer e indulgência. Além disso, o shopper avalia o checkout pelo tamanho da fila, ou seja, é propenso a escolher sempre o que apresentar menor fila e garantir mais rapidez.

Por isso, é extremamente importante que a loja tenha consistência de sortimento e execução em todos os checkouts, de maneia que o shopper encontre as mesmas categorias e produtos em todos eles, independente de qual ele escolha para o pagamento. Afinal, se o shopper não encontra o que procura em um checkout, sabemos que dificilmente ele irá para outro que tenha o produto que ele quer, e isso resultará numa venda perdida.

Categorias para o checkout

O checkout é uma região que ainda tem muito espaço para se desenvolver. A principal oportunidade de melhoria está na escolha dos produtos e categorias que serão expostos lá. Neste espaço da loja deve se explorar principalmente as categorias de impulso e de compra não planejada, como gomas, balas, chocolates e biscoitos.

O checkout é um local de alto fluxo de shoppers e com um espaço limitado, ou seja, muitas pessoas interagindo e tocando nos produtos, o que pode gerar desorganização em uma velocidade mais acelerada que em outros pontos da loja. Portanto é de extrema importância para o sucesso do checkout que este esteja sempre muito bem abastecido e principalmente sem ruptura.

O shopper no checkout tem pouco tempo de interação com os produtos, uma vez que está preocupado em realizar o pagamento. Porém, como a compra não é planejada, a decisão de compra e escolha dos produtos ocorre nesse curto espaço de tempo. Por isso, é preciso facilitar a navegação do shopper nesse espaço através de uma boa organização das categorias e garantindo que os preços estejam sempre visíveis, para facilitar a identificação e escolha dos produtos.

Compras por impulso

Por ser uma região de alto impulso o checkout pode ser muito rentável. Além disso, o shopper no checkout está menos sensível a preço e, por conta do curto período de tempo que passa no local, não costuma fazer comparação entre concorrentes, tendo preferência por marcas líderes que ele já conhece e confia.

O objetivo, então, é reter a atenção do shopper enquanto ele está na fila de espera para finalizar suas compras. Esse é o momento em que ele está mais relaxado e propenso a considerar a compra de itens que não faziam, necessariamente, parte da lista de compras inicial. Por isso, a importância da exposição das categorias de impulso, indulgência e de lembrança nessa área, sempre com boa visibilidade para os produtos a fim de aproveitar ao máximo esta ocasião de compra.

Foto: Shutterstock

Fonte: Mondelēz

You must be logged in to post a comment.