UA-84155756-1

MULTIPLICA DIGITAL – INDÚSTRIA FARMACÊUTICA É PERCEBIDA PELOS BRASILEIROS COMO PARCEIRA DA POPULAÇÃO NA PROMOÇÃO DA SAÚDE

By: | Tags: | Comments: 0 | março 24th, 2022

Indústria farmacêutica é percebida pelos brasileiros como parceira da população na promoção da saúde

Indústria-farma-brasileiros

De acordo com a pesquisa da Takeda e da IQVIA o setor farmacêutico é avaliado positivamente e a percepção é de que a contribuição dos laboratórios vai além da doença ou do tratamento

O estudo “A imagem do setor farmacêutico no Brasil”, encomendado pela biofarmacêutica Takeda à consultoria IQVIA, aponta percepção positiva por parte da população brasileira em relação à indústria farmacêutica.

Dos 2.018 entrevistados, 86% afirmam que os laboratórios colaboram para a saúde e o bem-estar da população;

82% avaliam o nível de reputação do setor entre bom e muito bom.

Já 79% consideram que a imagem da indústria é positiva ou extremamente positiva.

A pesquisa trouxe a opinião dos entrevistados sobre como melhorar a saúde no País, sendo que 89% dos respondentes concordam com a afirmação de que “os laboratórios devem trabalhar em conjunto com o governo para ajudar a promover a saúde e o bem-estar da população”.

Outro dado, portanto, é que 79% dos respondentes acreditam que os laboratórios poderiam realizar mais ações de divulgação corporativa para se tornarem mais conhecidos pela população, ponto reforçado quando apenas 57% afirmam se sentir próximos das empresas.

Conscientização

“Sem dúvida, esses resultados refletem o maior conhecimento que a população passou a ter sobre a atuação da indústria farmacêutica no contexto da pandemia de Covid-19, em que a importância da ciência ficou ainda mais evidente, principalmente a conscientização sobre o quanto a prevenção é fundamental para a preservação da saúde”, analisa o presidente da Takeda no Brasil, Renata Campos.

Nesse contexto, a Takeda também reforça seus princípios, consolidados há 240 anos, por meio de sua atuação baseada em valores e ações em torno do Paciente, Confiança, Reputação e Negócio, nessa ordem.

“Nossos princípios e valores ganham vida por meio de decisões e ações que colocam nossos pacientes no centro de tudo o que fazemos, constroem confiança com a sociedade, reforçam nossa reputação e desenvolvem um negócio sustentável”, comenta a diretora executiva de Ética & Compliance da Takeda no Brasil, Aruane Andrade.

Profissionais da saúde

Os bons resultados da pesquisa também se refletem entre o público especializado (255 entrevistados).

Na opinião de 85% dos médicos e 90% dos profissionais da saúde, a reputação dos laboratórios está entre positiva e extremamente positiva; e 82% dos médicos e 88% dos profissionais de saúde afirmam que as farmacêuticas contribuem para a qualidade do atendimento e o bem-estar da população.

“Esses índices, além de muito satisfatórios, reforçam a ética, a transparência e a credibilidade do setor farmacêutico entre os profissionais de saúde”, avalia Aruane Andrade, diretora executiva de Ética & Compliance na Takeda Brasil.

Estudo “A imagem do setor farmacêutico no Brasil”

Para a população:

  • 86% afirmam que os laboratórios colaboram para a saúde e o bem-estar da população.
  • 82% avaliam o nível de reputação do setor entre bom e muito bom.
  • 79% têm a percepção de que a imagem da indústria é positiva ou extremamente positiva.
  • 89% concordam com a afirmação de que “os laboratórios devem trabalhar em conjunto com o governo para ajudar a promover a saúde e o bem-estar da população”.
  • 79% dos entrevistados acreditam que os laboratórios deveriam realizar mais ações de divulgação corporativa para se tornarem mais conhecidos pela população.

Para os profissionais da saúde:

  • 85% dos médicos e 90% dos profissionais da saúde afirmar que a reputação dos laboratórios está entre positiva e extremamente positiva.
  • 82% dos médicos e 88% dos profissionais de saúde acreditam que as farmacêuticas contribuem para a qualidade do atendimento de saúde e o bem-estar da população.

*Pharmaceutical Industry Image, Takeda e IQVIA. Entrevistas realizadas entre 06 e 28 de abril de 2021 com 255 profissionais de saúde e 2.018 pessoas do público em geral, entre 18 a 66 anos ou mais, incluindo todas as regiões do Brasil.

Fonte: Takeda Pharmaceutical Company Limited

Foto: Shutterstock

You must be logged in to post a comment.