UA-84155756-1

MULTIPLICA DIGITAL – FÓRUM DEBATE A INDÚSTRIA DE BIOSSIMILARES NA AMÉRICA LATINA

By: | Tags: | Comments: 0 | novembro 13th, 2020

O faturamento global da indústria de medicamentos biossimilares deve superar a barreira de US$ 10 bilhões neste ano, com o estímulo da corrida por vacinas contra a Covid-19. Mas o setor precisa superar outra barreira na América Latina, ainda carente de uma regulação continental uniforme e do maior compartilhamento de informações científicas.

Com esse enfoque, a Biosimilars Latam 2020 acontecerá em formato virtual nesta quarta e quinta-feira, dias 11 e 12 de novembro, com a perspectiva de reunir 200 executivos e pesquisadores ligados a 150 fabricantes, institutos e autarquias governamentais em um evento virtual. O Brasil recebeu uma edição presencial do evento em 2019, na capital paulista.

“O incentivo a essa categoria é fundamental para a ampliação do acesso à saúde e para o combate massivo de doenças como artrite reumatoide, câncer e diabetes. Esses medicamentos podem garantir a mesma qualidade do tratamento em comparação às versões originais, mas com custos reduzidos em até 30%”, pontua Paulo Etcheverry, organizador do fórum e gerente regional do laboratório argentino Siegried.

 

Participação brasileira

O Brasil estará representado no evento por Rosane Cuber Guimarães, vice-diretora de qualidade do Bio-Manguinhos Fiocruz. É ela quem lidera o processo de transferência tecnológica e de metodologia da vacina da AstraZeneca contra a Covid-19, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford.

Embora ainda em ritmo lento, o Brasil começa a registrar um aumento na aprovação desse gênero de medicamentos. Dos 32 fármacos já registrados pela Anvisa, 21 foram aprovados entre 2018 e 2019, enquanto outros cinco estão na fila. Apenas cinco biossimilares estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS). “A compra ainda é muito concentrada no sistema público, o que compromete o acesso”, acredita.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

You must be logged in to post a comment.