UA-84155756-1

MULTIPLICA DIGITAL – FEBRAFAR LANÇA AÇÃO PARA INTEGRAR FARMÁCIAS E PROVEDORES DE SAÚDE

By: | Tags: | Comments: 0 | fevereiro 23rd, 2021

Febrafar lança ação para integrar farmácias e provedores de saúde

Febrafar lança ação para integrar farmácias e provedores de saúde

As 61 redes associadas à Febrafar acumularam um faturamento de R$ 13,55 bilhões em 2020, o que faria do grupo a terceira maior companhia do varejo farmacêutico nacional. Consolidada financeira e geograficamente, a entidade lança como metas um amplo processo de digitalização e integração com provedores de saúde.

O grupo detalha essas estratégias e o planejamento de 2021 durante o Febrafar Day, que acontece na manhã desta terça-feira, dia 23. “A receita da Febrafar avançou 26,1%, acima da média de 15% do setor. Superamos a marca de 10 mil lojas em quase 3 mil municípios de 12 estados. Os números ratificam o sucesso do varejo associativista. Agora, temos o desafio de nos tornar mais relevantes e utilizar melhor o potencial da nossa base de clientes”, ressalta o CEO Edison Tamascia.

Ao falar em potencial, Tamascia refere-se aos mais de 33 milhões de consumidores cadastrados no Programa de Estratégias Competitivas (PEC). No entanto, somente 9 milhões de integrantes do plano de fidelidade são considerados ativos. “O PEC registrou R$ 5,1 bilhões em vendas no ano passado. Mas os resultados dessa operação ainda estão muito condicionados à venda de produtos no PDV. Queremos estimular a adesão desse público a tratamentos clínicos e inseri-lo em um amplo ecossistema de saúde”, pontua.

Parcerias com players e meta de PBMs

Para cumprir seus objetivos, a Febrafar já deu início a conversações com operadoras de planos de saúde que têm capilaridade nacional, como a Central Nacional Unimed. Os acordos de cooperação também contemplam empresas que gerenciam planos de benefícios de medicamentos (PBMs), modalidade que responde apenas por 6% do volume de negócios das farmácias associativistas.

“Com o advento das chamadas farmácias de bairro durante a pandemia, muitas das quais vinculadas à nossa rede, constatamos uma maior atenção do consumidor com a saúde e a importância crescente do canal farma na atenção primária. O reforço da operação de PBM e essa rede de parceiros que estamos mirando vão ao encontro dessa tendência”, avalia.

Mais tecnologia na relação com a cadeia

Como parte desse compromisso, a entidade colocará em prática uma solução de inteligência artificial para dinamizar os sistemas operacionais e de gestão dos PDVs. O objetivo é possibilitar atualizações de dados em tempo real e a sincronização automática com fornecedores da indústria e do atacado farmacêutico.

“Seria uma evolução das funcionalidades lançadas em 2020, como a do aplicativo para envio de ofertas exclusivas, cupons de descontos e realização dos pedidos, com apoio da consultoria de TI Stefanini Inspiring. Isso vai facilitar também o mapeamento do fluxo de vendas e a interpretação dos hábitos dos clientes”, conclui Tamascia.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

You must be logged in to post a comment.