UA-84155756-1

MULTIPLICA DIGITAL – DIA NACIONAL DA SAÚDE E FARMÁCIA: A IMPORTÂNCIA DE MANTER O TRATAMENTO

By: | Tags: | Comments: 0 | agosto 5th, 2021

Adotar um estilo de vida que inclua alimentação saudável, atividades físicas e sociais, menos tarefas estressantes e o abandono de vícios como tabagismo e alcoolismo, são atitudes importantes, para ter qualidade de vida. Isso todos nós sabemos, não é mesmo? Mas o que as pessoas tentam entender, após um ano de pandemia causada pelo coronavírus – é como manter os cuidados com a saúde diante de tantas mudanças na rotina.

Os especialistas notaram que aumentou a falta do diagnóstico para o câncer, doenças cardíacas e crônicas durante a pandemia, além da interrupção dos tratamentos. Isso porque muitas pessoas deixaram de comparecer a hospitais, clínicas e consultórios por medo da contaminação ou pela falta de atendimento devido ao remanejamento de alguns setores para ampliar a cobertura de pacientes com Covid-19.

No Dia Nacional da Saúde e da Farmácia (05 de agosto), o setor reforça que ser saudável não é sinônimo para nenhuma doença, é sim ter o controle e manter os acompanhamentos. O médico Raul Dias, da farmacêutica Prati-Donaduzzi, esclarece que a detecção precoce de doenças ainda no estágio inicial permite que o tratamento tenha grande eficácia, aumentando as chances de cura. ‘Entendemos que as pessoas passaram a se preocupar mais com a Covid-19, mas não podemos esquecer que há outras patologias, inclusive aquelas que podem levar à morte, se não tratadas’.

Por este motivo, é fundamental manter as consultas preventivas em dia para que seja feito o monitoramento de doenças com exames. Dados do SUS mostram que o acompanhamento preventivo pode fazer toda a diferença. Somente em 2020, por exemplo, houve um aumento de 132% de mortes por doenças cardiovasculares, que pode ser consequência da falta de prevenção.

O especialista ressalta que pacientes que sofrem de doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, mesmo que estejam sob controle, não devem parar o tratamento ou deixar de lado o acompanhamento médico. ‘Já tínhamos uma dificuldade grande para conscientizar os pacientes para que começassem os exames preventivos o quanto antes. As doenças cardiovasculares podem ser silenciosas no começo, o que leva o paciente a não se cuidar e evitar uma complicação do quadro’. Ou seja, além dos bons hábitos, manter a integridade física e mental é importante, para garantir o bem-estar, saúde e qualidade de vida.

Fonte: Jornal A Voz do Paraná

You must be logged in to post a comment.